Profundidade de Campo (Depth of Field)

Profundidade de Campo, também conhecida como Depth of Field (DoF), é o nome dado ao tamanho da área focalizada  no objeto, ou a área desfocada antes e depois do objeto. Basicamente a Profundidade de Campo é determinada por 3 coisas:

  • Abertura
  • Comprimento Focal
  • Distância do Objeto

Abertura

Quanto maior for a abertura, ou seja, quanto menor for o valor de “f” (f2.8, f1.8, f1.2), menor será a área a ser focalizada, fazendo com que o que esteja à frente ou no fundo do objeto fique mais desfocado. Por consequência, quanto maior for o valor de “f”, f11, f16, f22, maior será a área focalizada, fazendo com que boa parte da cena fique nítida.

Comprimento Focal

É o tipo da lente ou a posição em que ela se encontra (no caso de lentes zoom), ou seja, 18mm, 50mm, 70mm, 200mm. Quanto maior for o ângulo de visão da lente (lentes grande angulares) maior será a Profundidade de Campo, ou seja, uma parte maior da cena será focalizada e nítida. Quanto menor for o ângulo de visão da lente (teles) menor será a Profundidade de Campo, ou seja, uma parte menor da cena será focalizada e tudo que estiver antes ou depois desta área será desfocado.

Distância do Objeto

E por fim a distância do objeto é outra determinante da Profundidade de Campo, pois quanto mais próximo você se encontra do objeto a ser fotografado maior será o desfoque antes de depois do mesmo, e quanto mais longe você se encontra do objeto maior será a área focalizada.

Respondendo as perguntas:

Como eu faço para desfocar o fundo da foto?

Seguindo as explicações acima você deve levar os valores de cada uma dessas características próximos aos valores abaixo.

  • Abertura: maior abertura possível (f1.2, f1.8, f2.8… etc)
  • Distância Focal: menor ângulo de visão possível (lentes 50mm, 70mm, 200mm, etc…)
  • Distância do Objeto: mais próximo possível do objeto ou motivo a ser fotografado.

Quando faço fotos de muitas pessoas ou de vários objetos nunca consigo fazer com que todos fiquem focalizados. Porque isso acontece?

  • Você deve usar aberturas menores. Diminua o quanto for possível (f9, f11, f16, etc).
  • Use lentes com maior ângulo de visão (35mm, 24mm, 18mm, etc).
  • Se posicione o mais longe possível dos objetos ou do grupo.

Qual lente devo usar para não desfocar o fundo e qual devo usar para desfocar o fundo?

Como podemos ver não são só as lentes, mas para se obter um DoF, uma Profundidade de Campo maior com menos desfoque, devese usar aberturas menores (valores maiores, f9, f11, f16), com a distância focal nos menores valores possíveis (18mm, 24mm, 50mm) e se posicionar o mais longe possível do que vai fotografar. Para desfocar é o contrário disso tudo (aberturas maiores, distâncias focais maiores e o mais próximo possível do motivo). Mas como a abertura do diafragma é um dos itens responsáveis pelo controle do DoF, lentes com aberturas maiores proporcionam menor profundidade de campo, ou seja, mais desfoque, e lente com aberturas menores um DoF maior, com menos desfoque.

Se houver dúvidas ou algo ficou sem ser explicado neste assunto envie suas perguntas para mim que incluirei aqui as explicações. Em breve postarei as fotos para exemplificar as teorias.

Até a próxima!

Curta e Compartilhe se você acredita que mais pessoas podem possam precisar dessas informações. 🙂

8 comentários sobre “Profundidade de Campo (Depth of Field)

  1. Boa noite!
    Entendi perfeitamente , muito boa explicação. Minha dúvida é o seguinte. Não querendo desfocar e usando Flash externo, influência em alguma coisa??? Tipo eu mudando de ambiente pode estourar a foto? Isso no modo AV

    • Olá Aline, boa noite!

      Respondendo, não. Usar flash externo ou da câmera não influencia no foco e o fato de usar o modo AV mostra que você está “determinando” com qual abertura quer trabalhar, sendo assim, se mantem uma abertura grande como f2.8, haverá desfoque em qualquer lugar, porém, quanto à exposição, esta nada tem a ver com o foco, visto que já travou a abertura no modo AV, ou seja, se mudar de ambiente a câmera manterá a abertura em f2.8 mas calculará uma velocidade diferente para cada cena afim de encontrar a exposição correta.

      Acontece que, caso você vá para uma área muito mais clara que a que estava, a câmera pode definir uma velocidade mais alta do que a de sincronismo com o flash (que depende de cada câmera mas fica entre 1/160 e 1/250 na maioria delas). Se está utilizando o flash a câmera vai travar na velocidade de sincronismo para que você possa usar o flash… sendo assim, a exposição ficará incorreta.

      Para isso, vc deve usar o flash em sincronismo com alta velocidade (não sugiro até que saiba utilizar bem este recurso ou pode danificar seu flash fazendo um mau uso) ou tentar encontrar a exposição correta através da alteração do ISO, para que nem a velocidade exceda o sincronismo e nem a abertura seja modificada.

      Se o ISO não for o suficiente, há outros recursos como filtros ND para escurecer a cena e abaixar os valores da velocidade. E se não possuir um, daí só lhe resta escolher qual deles vai abrir mão. Se desligar o flash a câmera acha a exposição correta. Se usar o flash terá que diminuir a abertura e perder o desfoque.

      Espero ter ajudado 🙂

  2. Olá! Adorei a explicação!! Só não entendi um item. Na última pergunta quando fala que para uma Profundidade de Campo maior com menos desfoque, devemos usar aberturas menores com a distância focal nos menores valores possíveis (18mm, 24mm, 50mm). Sobre a distância focal eu entendi exatamente o contrário.

    Quanto maior o ângulo de visão não é maior a Profundidade de Campo??

    • Olá Mariana!

      Bom, acho que está fazendo alguma confusão porque me parece que você entendeu tudo direitinho.
      Quanto maior o ângulo de visão (ou seja, lentes com menor distância focal, 10mm, 15mm, 18mm) maior será a profundidade de campo sim, ou seja, terá foco em uma proporção maior, antes e depois do ponto exato de foco.
      Você está certa!
      Acredito que é porque neste parágrafo eu fiz a comparação com o fato de alguém desejar justamente o contrário, e que daí se invertia tudo, mas foi só um comentário.
      Ou você pode ter se confundido em ter usado dois termos diferentes, que é Distância Focal e Ângulo de Visão, que são indiretamente proporcionais, ou seja, quanto maior o Ângulo de Visão, menor é a Distância Focal da lente, ou seja, com uma lente 15mm você tem um ângulo de visão maior do que com uma 50mm onde o ângulo de visão é menor, embora a distância focal da 50mm seja maior do que a 18mm.
      Reli esta parte aqui e tá tudo normal. Seu entendimento também. Mas se ainda tiver alguma dúvida ou achar onde está o erro, entre em contato novamente, me avise, até a gente solucionar isso 😀

      Muito obrigado pela sua participação!

    • Oi Naty!

      Esse “f” é um valor usado para determinar níveis de sensibilidade dos objetos utilizados pela câmera para o registro de uma imagem. Ou seja, a lente tem seus valores de “f” nas aberturas, f2.8 um vão muito aberto do diafragma da lente, já o f16 é um buraquinho bem pequeno onde passa pouca luz. Neste caso os “f”s são invertidos, quanto maior o valor, menor a abertura. Quanto maior a abertura, menor o valor de f e mais clara ou luminosa é a lente, podendo receber maior quantidade de luz… e também mais cara… rsrsrsrsr.

  3. Reges, não consegui encontrar o arquivo PROFUNDIDADE DE CAMPO.
    Onde encontro?
    Você tem um canal no you tube, neh?
    Mande tudo pra eu poder segui-lo e aprender um pouquinho…
    Hhhmmmm… Será que consigo???
    Sei não, viu… Hehehe…
    Beijos, Marta

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s