Fotógrafo obrigado a pagar cerca de R$26.200,00 em processo!

bolso

“Uma corte na Espanha ordenou que um fotógrafo pague €8.000,00 (~$8.800,00, cerca de R$26.200,00) a um casal recém casado depois de perder as fotos de seu casamento e não poder entregar o que foi pago para.”

“Clique na foto ou aqui para ver a matéria original”

Fatos interessantes nessa matéria:

– O valor do pacote contratado pelo casal foi de €1.100,00 (cerca de R$3.600,00).

– O pagamento dos €8.000,00 (cerca de R$26.200,00) é referente às despesas da viagem do casal de NY para Espanha e todos os gastos para que fossem refeitas as fotos nos ensaios de pre-wedding (pré-casamento) em vários lugares ao redor da cidade.

– O juiz declarou em sua decisão que: o fotógrafo foi negligente e falhou ao alcançar “o nível requerido de prudência e precaução” ao qual o serviço requer.

Resumão da história:

– Cuidado ao se dizer fotógrafo e cobrar por serviços. Isto lhe imputa uma responsabilidade que talvez não esteja preparado para tal, ainda!

– Cuidado ao começar a pegar qualquer tipo de serviço, seja caro ou baratinho, sem ter tudo o que precisa para ficar tranquilo, o que quer dizer ter mais do que o necessário para a simples realização do serviço, como equipamento sobressalente (2ª câmera, vários cartões, mais de um flash, HDs para backup, plano para backup em nuvem, etc). Isso sem contar sua preparação técnica para entregar algo que os clientes venham a solicitar, como a qualidade de suas fotos. Isso também tem implicado em processos!

– Seus clientes mais sorridentes hoje, podem se tornar seu pior pesadelo amanhã, acredite!

No mais, se você é daqueles que comprou sua primeira câmera, assistiu a alguns vídeos gratuitos na internet, já trocou seu nome do perfil do Facebook para “fulano de tal fotografia” e se sente mal e constrangido a ponto de ficar com raiva quando recebe duras críticas pelas suas fotos… só posso te desejar sorte… muito boa sorte! Pois você vai precisar disso no lugar da competência e do profissionalismo.

Welcome to the jungle baby… You’re gonna die! 

Anúncios

Noiva mineira será indenizada em R$ 10 mil, por fotos e filmes de má qualidade no dia do casamento

É aquela velha história. Compra a câmera e já acha que pode sair fazendo de tudo. Se auto denomina um profissional do ramo. Fica todo feliz com os primeiros serviços. Mas a casa cai… ahhhh cai. Acreditem… mais cedo ou mais tarde a casa cai. E não é raro não viu! Aliás, infelizmente isso está se tornando cada vez mais constante. São as “crianças” e seus “brinquedinhos novos”. Se quer brincar, desce pro play… com clientes, com serviços, com contratos, com sonhos… não se brinca! Ou faz com um mínimo de responsabilidade e qualidade ou vai acabar em maus lençóis. Veja a matéria:

 

Noiva mineira será indenizada em R$ 10 mil, por fotos e filmes de má qualidade no dia do casamento | FilmMaker/HDSLR – Informações e noticias para Cinema Digital.